Intoxicação: fique por dentro desse assunto!


13/03/2018 12:04

Você sabia que a intoxicação pode acontecer por vários tipos de agentes, como medicamentos, produtos químicos, alimentação e outros?  Ela causa alteração no funcionamento do organismo e pode levar à morte. A enfermeira e professora da Ciências Médicas Kamyla Félix conta que a primeira medida a ser tomada é verificar o que pode ter provocado a intoxicação. “Para o reconhecimento é necessário observar os seguintes sinais e sintomas: hálito com cheiro estranho, mudança na cor dos lábios, dor, sensação de queimação na boca, garganta ou estômago, sono, confusão mental, vômitos, diarreia, paralisia e convulsões”, afirma.

Conduta

Algumas condutas são importantes para fazer o socorro da vítima. Kamyla destaca alguns procedimentos iniciais. “Procure frascos ou remédios por perto da vítima para informar ao socorro. Veja nos rótulos ou bulas se existe alguma indicação de antídoto. Se houve ingestão de substância tóxica ou venenosa provoque o vômito na vítima, verifique o pulso e a respiração dela e chame imediatamente o atendimento”.

Alerta importante de conduta

O vômito não deve ser provocado quando a intoxicação for causada por ácido, ressalta a especialista. “Em casos de envenenamento por substância que cause queimadura, como soda cáustica, alvejantes, água com cal, amônia, desodorante e derivados de petróleo (querosene, gasolina, fluido de isqueiro, benzina, lustra-móveis) não se deve em hipótese nenhuma provocar o vômito”, enfatiza.

Prevenção

A enfermeira deixou algumas dicas:

- Mantenha medicamentos, produtos de limpeza e cosméticos fora do alcance das crianças;

- Não se automedique;

- Leia a bula atentamente e fique atento para as dosagens dos remédios;

- Não guarde medicamentos vencidos;

- Não armazene produtos de limpeza fora do recipiente original.