Clima junino marca o encerramento da disciplina de Libras


11/06/2018 12:52

O final do semestre se aproxima e as disciplinas estão finalizando suas atividades, uma delas é a de Libras, que se encerrou realizando apresentações de alunos de Farmácia, Nutrição e Medicina, com muito forró e descontração. “Com as apresentações realizamos a avaliação final dos alunos, eles mostraram como foi o aprendizado no decorrer do semestre. Também trouxemos convidados surdos, para fazer um momento de interação com eles e os alunos”, explicou a professora Rosângela Lima.

Interesse

As apresentações aconteceram no Prédio Sede da Faculdade e também no Anexo de Medicina. Os alunos apresentaram peças e músicas utilizando-se da linguagem de sinais. “A Libras tem um segredo: ela é muito gostosa de aprender. Eu no papel da professora digo que ela é um vírus bom de pegar. Os alunos se identificam demais, e a cada dia eles buscam mais, interagem através de grupos, estão sempre perguntando qual é o sinal. Tudo isso é muito bom”, afirmou Rosângela.  

Importância

 

A aluna do 5º período do curso de Farmácia Isabelle Alexia enfatizou o quanto foi gratificante ter o contato com a Língua Brasileira de Sinais. “Por incrível que pareça, a princípio nem queria pagar essa disciplina, mas no primeiro dia de aula eu já me apaixonei. É uma aula bem descontraída, a professora é ótima. E o curso de Libras é muito importante para nós que seremos profissionais da saúde, porque os surdos terão o contato direto com a gente e assim podemos auxiliá-los de uma melhor forma. Eu espero continuar aprendendo cada vez mais”.

 

Para a aluna do 2º período do curso de Nutrição Andrielly Cardoso foi uma oportunidade de um conhecimento diferenciado na vida profissional. “Aprender Libras é muito importante, porque dessa forma vamos ajudar muito mais pessoas.  E também porque devemos fornecer ao paciente um atendimento eficiente, com uma comunicação eficaz. Uma disciplina muito dinâmica, que só nos faz incentivar a querer buscar mais conhecimento”

 

O aluno do 6º período do curso de Medicina Pedro Hugo Vieira contou que essa experiência vai lhe ajudar a realizar um atendimento mais humanizado. “Apesar de saber da importância da Libras nunca tinha tido contato, e agora na disciplina aprendemos de uma forma leve e descontraída, o que facilitou muito esse processo de aprendizagem. Toda vez que a gente visa o atendimento integral, como temos essa proposta de Medicina Holística, precisamos abordar qualquer tipo de singularidade, pensando não só na pessoa surda, mas no ser humano”.